quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Arrumadinho..


É o que se pode dizer do proprietário de todo este tabaco. Já presenciei e participei em operações que levaram à apreensão de diverso material, todavia reconheço que este levou ao limite o seu propósito de transacionar tabaco de contrabando....é que não cabia nem mais uma agulha...

1 comentário:

Paulo Sempre disse...

"(...)transacionar tabaco de contrabando(...)"

Mais grave é a carga fiscal sobre o tabaco por parte do Estado.
Mais grave é o estado da Nação (negativissimo) provocado por decisões politicas sem "pés nem cabeça".
Porém, a impunidade dos responsaveis continua pelo que, "sem dó nem piedade" , continua-se a explorar os "pobres de sempre"....
Quando é que o Povo vota com a razão ao invés da coração?

Abraço